Com a intenção de facilitar a vida do usuário do transporte coletivo na capital o Legislativo aprovou a Lei Municipal 11.164, que autoriza a venda de crédito do Cartão BHBus em bancas de jornais e revistas. A norma teve origem em projeto de lei de autoria do vereador Eduardo da Ambulância (Pode) e deve ser regulamentada pelo prefeito em até 90 dias.

Poderá ser comercializado nesses pontos apenas o cartão do tipo “Usuário”, na modalidade “Portador”, cujo cartão de cor azul é adquirido pelos usuários que desejam se beneficiar dos descontos disponíveis nas linhas municipais. A decisão do dono da banca pela comercialização será espontânea e remunerada, e posteriormente regulada pelo Executivo, detalha o texto da legislação.

A recarga era realizada, desde 2012, a bordo dos ônibus e estaria comprometida sem a presença dos cobradores em todos os coletivos. Eduardo da Ambulância explica que a intenção da medida é favorecer o dia a dia do usuário do Cartão BHBUS que, “por razões de insegurança, temendo assaltos e descuidos durante a operação, não têm aceitado e assimilado a modalidade de vendas pelos pontos móveis, instituída neste ano pelo Município”.

Foto: Bernardo Dias/Câmara de BH

Foto: Bernardo Dias/Câmara de BH

%d blogueiros gostam disto: