Entre os dias 13 e 19 de maio a Casa Fiat de Cultura participa da 17ª Semana Nacional de Museus, promovida pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM). Por isso, sua programação estará voltada ao tema “Museus como Núcleos Culturais: o Futuro das Tradições”. A proposta da Casa Fiat de Cultura é propor uma reflexão acerca do papel dos museus, que deixam de ser espaços apenas de contemplação. “Entendemos o museu contemporâneo como um lugar que abriga o diálogo entre tradição e inovação e que indica inspirações para o amanhã”, reforça Clarita Gonzaga, coordenadora do Programa Educativo da Casa Fiat de Cultura. Toda a programação é gratuita.

Hall de entrada da Casa Fiat de Cultura. (Foto: Divulgação)

Hall de entrada da Casa Fiat de Cultura. (Foto: Divulgação)

Uma das atividades que integra a Semana de Museus na Casa Fiat de Cultura é o Minicurso “Diálogos e narrativas entre tradição e inovação”, que será realizado nos dias 14, 15 e 16 de maio, das 19h às 21h. A partir das dinâmicas de figuração e abstração presentes nas obras de artistas modernistas consagrados, que já povoaram grandes mostras da Casa Fiat de Cultura, o minicurso apresentará o espaço museológico como o lugar onde esses processos se desenvolvem. A proposta é trabalhar as relações de rupturas e permanências presentes no modernismo brasileiro, a partir da noção de museu vivo, onde a contemplação dá lugar à reflexão e à experiência.

No dia 15 de maio, das 19h30 às 21h, será realizada palestra do ciclo Quartas Italianas, que neste ano marca os 500 anos de morte de Leonardo da Vinci. A professora de tecnologia da Fundação Torino, Ana Paula Ferreira de Souza, vai falar sobre “Leonardo da Vinci: o gênio a serviço da arquitetura e da humanidade”. Ana Paula apresentará a multiplicidade de talentos para as artes e para as ciências do artista, que resultou em projetos, obras e planejamentos urbanos que unem beleza e funcionalidade, e que representam um legado para a humanidade.

Já no fim de semana, nos dias 18 e 19 de maio, acontecerão os Encontros com o Patrimônio: “Museu de arte: diálogos para o futuro”. Desta vez, o Programa Educativo da Casa Fiat de Cultura irá promover uma visita à exposição “Silêncios Seletivos”, da artista Luiza Nobel, em cartaz na Piccola Galleria.

A apropriação contemporânea de materiais históricos utilizados na mostra será o foco de um bate-papo descontraído no qual serão honradas as antigas memórias, mas também serão construídas novas lembranças e ativadas ideias que deverão acompanhar o público em suas jornadas futuras, sejam elas pessoais ou coletivas. Os Encontros com o Patrimônio serão realizados em três horários: às 10h30, às 14h e às 16h e serão disponibilizadas 15 vagas por horário.

“Essas atividades demonstram o envolvimento da Casa Fiat de Cultura com a discussões contemporâneas sobre museus. São ações que propõem experiências e reflexões. O museu é lugar que cuida do passado, mas que também revela o presente e o futuro. Nosso objetivo é trazer essas questões para perto do nosso público”, ressalta Clarita Gonzaga.

Programação de maio
Além da programação temática da 17ª Semana dos Museus, durante o mês de maio a Casa Fiat de Cultura oferece outras atividades com entrada gratuita.

A exposição “Olhares Cruzados – Brasil e Canadá”, com fotografias de Kazuo Okubo, brasileiro, e Daniel Stanford, canadense, fica em cartaz até o dia 19 de maio. Também permanece aberta para a visitação do público até o dia 26 de maio a mostra “Silêncios Seletivos”, de Luiza Nobel, que faz uma leitura contemporânea de imagens do passado.

No dia 26 de maio, das 11h às 12h, a Orquestra de Câmara Sesiminas, sob regência do maestro Marco Antônio Maia Drumond, se apresenta no Música na Capela, programa musical da Casa Fiat de Cultura, desde 2015. Já no dia 29 de maio, das 19h30 às 21h, será realizada mais uma edição do Quartas Italianas. O professor Marco Cremona, pesquisador do Departamento de Física da PUC-Rio, ministrará a palestra “Leonardo da Vinci – O primeiro cientista moderno”.

Até o dia 26 de maio o público também pode participar do Ateliê Aberto: Arte do Cartaz. As atividades, realizada sempre aos sábados e domingos, serão um convite para que o público faça uma experimentação artística através da imersão na linguagem gráfica.

%d blogueiros gostam disto: