Foto: iStock

 

Para 95% da população de Belo Horizonte, a pandemia do novo coronavírus é algo “muito grave”. Ao menos é o que revela uma pesquisa feita KriteriON Pesquisas/Instituto Valor Pesquisa e Marketing, com exatamente 1.721 pessoas, entre os dias 19 e 21 deste mês de março.

A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais. O levantamento mostra que homens, pessoas entre os 35 e 44 anos e com renda mensal superior a 5 salários mínimos (R$ 5.225)  são os 5% menos avaliam a doença como “pouco grave” ou “sem gravidade”

Além disso, a pesquisa também avaliou por quanto tempo a população da capital mineira acredita que quarentena ainda irá durar e a expectativa média é de 4.2 meses. A mesma pesquisa identificou que apenas 13% da população está trabalhando de casa.

%d blogueiros gostam disto: