Foto: divulgação

 

Agora é oficial. A prefeitura de Belo Horizonte confirmou que o comércio da capital começa a reabrir a partir de segunda-feira (25/05). A intenção é adotar um sistema de escalonamento com o funcionamento das atividades para evitar aglomerações, principalmente, no transporte coletivo.

As atividades aptas a funcionar nas distintas fases deverão observar as faixas de horários de funcionamento”, diz o decreto municipal 17.361, publicado no Diário Oficial do Município hoje (22/05). Apesar do retorno, os estabelecimentos deverão seguir as normas de distanciamento e regras de higienização já determinadas anteriormente.

A abertura das lojas acontecerá de acordo com uma tabela de horários incorporada ao decreto municipal. Cada comerciante precisa identificar o seu tipo de serviço e acompanhar de acordo. Cada tipo de comércio poderá abrir num período predeterminado pela prefeitura, conforme na tabela abaixo:

Artigos de bomboniere e semelhantes – 7h às 21h
Artigos de iluminação – 11h às 19h
Artigos de cama, mesa e banho: 11h às 19h;
Utensílios, móveis e equipamentos domésticos, exceto eletrodomésticos e equipamentos de áudio e vídeo: 8h às 17h
Tecidos e armarinho: 11h às 19h;
Artigos de tapeçaria, cortinas e persianas: 11h às 19h;
Produtos de limpeza e conservação: 11h às 19h
Artigos de papelaria, livraria e fotográficos: 11h às 19h
Brinquedos e artigos recreativos: 11h às 19h;
Bicicletas e triciclos, peças e acessórios: 8h às 17h
Cosméticos, produtos de perfumaria e de higiene pessoal: 11h às 19h
Veículos automotores: 8h às 17h
Peças e acessórios para veículos automotores:  8h às 17h
Pneumáticos e câmaras-de-ar: 8h às 17h
Comércio atacadista da cadeia de comércio varejista da fase 1: 5h às 17h
Cabeleireiros, manicure e pedicure: 7h às 21h
Centros de comércio popular instituídos a qualquer tempo por Operações Urbanas visando a inclusão produtiva de camelôs, desde que localizados no Hipercentro ou em Venda Nova: 11h às 19h

%d blogueiros gostam disto: