Foto: Ana Lívia do Nascimento

Mesmo que em galhos secos, o colorido dos ipês chamam a atenção dos frequentadores da Praça da Liberdade(foto: Ana Lívia do Nascimento).

Eles embelezam e encantam nossas ruas por quase 03 meses. Agora, com o fim do inverno, os ipês vão encerrando a sua florada junta da estação mais fria do ano. A parte boa é que com a secura das árvores também vem chegando a primavera, a chamada estação das flores.

Considerados como a árvore do Brasil, os ipês tem um comportamento atípico se comparados as demais plantas. Acontece que eles florescem durante o inverno, enquanto as demais tem seu período de flores justamente na primavera. Curioso, não?

A Professora e Bióloga da UFMG Eloty Schleder explica como acontecem as floradas. “O aparecimento das flores variam de acordo com a espécie, cada tipo de ipê tem uma característica genética que determina o tempo de florada. Essas características se manifestam devido às condições climáticas, como mais ou menos frio, clima mais seco ou menos seco”.

Na Praça da Liberdade não é diferente. No local, que é um dos que mais se têm ipês plantados em Belo Horizonte, já é possível perceber a queda das folhas coloridas das árvores. São poucos que ainda não estão apenas nos galhos.

É uma pena ter que se despedir desses queridos companheiros de inverno. De toda forma, a primavera terá seu início no dia 23 de setembro e as demais árvores vão ser as novas protagonistas no colorido da cidade.