Aquele velho ditado “quem não é visto, não é notado” está sendo levado muito a sério no Aglomerado da Serra, região Centro-Sul de Belo Horizonte. Acontece que a população, cansada de passar despercebida aos olhos da Prefeitura, decidiu tomar uma iniciativa para solucionar um dos problemas que as atinge: a mobilidade urbana.

Olha o Buzão da Comunidade fazendo mais trajeto e beneficiando cerca de 46 mil pessoas,  a população do Aglomerado da Serra (foto: reprodução facebook).

Olha o Busão da Comunidade fazendo mais trajeto e beneficiando cerca de 46 mil pessoas, a população do Aglomerado da Serra (foto: reprodução facebook).

O projeto é o “Busão da Comunidade”, um projeto dos próprios moradores em parceria com o movimento Tarifa Zero BH. A função é  beneficiar quem vive na região dando-os acesso a pontos com fluxo para de tráfego para as demais localidades da cidade. Uma vez que nenhum transporte público chega até a comunidade.

Toda a iniciativa é gratuita. O trajeto liga a Praça do Cardoso, no Aglomerado da Serra à estação do metrô do Santa Tereza pela rua Niquelina. Segundo o Tarifa Zero BH, em seu primeiro dia de circulação, o ônibus transportou 242 pessoas entre 13h e 19h, totalizando 06 seis viagens.

“O Busão da Comunidade já está circulando pela Serra. Para ir trabalhar, para ir brincar, para fazer compras, para se deslocar pela cidade: é só esticar o braço e entrar que é DE GRAÇA”, divulgou a página do Tarifa Zero BH, no Facebook.

Outro foco do projeto é criar uma linha ônibus oficial para beneficiar a população. Para isso, há uma movimentação por meio de abaixo assinado que pede a oficialização deste novo itinerário. Os interessados em colaborar podem procurar pelas petições deixadas nos comércios da comunidade, na escola Edson Pisani e na UMEI Capivari.

Toda essa mobilização nasceu com apoio do Programa de Apoio as Ações Comunitárias Autogestionadas (PAACA), formado pelos Arquitetos sem Fronteiras e o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG). A campanha também tem uma página própria no Facebook, clique neste link para acessa-la.