O Papa Francisco nomeou o monsenhor Geovane Luís da Silva e o monsenhor Otacílio Francisco Ferreira Lacerda, como bispos auxiliares para a Arquidiocese de Belo Horizonte. Monsenhor Geovane Luís da Silva é pároco da Paróquia Nossa Senhora da Piedade, em Barbacena (MG), e o monsenhor Otacílio Francisco é pároco da Paróquia Santo Antônio em Gopoúva (SP). 

O anúncio da nomeação, nesta quarta-feira, dia 21 de dezembro, foi recebido com muita alegria e gratidão pelo arcebispo metropolitano de Belo Horizonte, dom Walmor Oliveira de Azevedo e os bispos auxiliares dom Joaquim Mol, dom João Justino e dom Edson Oriolo. O arcebispo dom Walmor agradece o apreço e atenção do Papa Francisco e do Núncio Apostólico no Brasil domGiovanni d’Aniello, pela Igreja em nosso país e especialmente pela Arquidiocese de Belo Horizonte.

Foto: divulgação.

Foto: divulgação.

Monsenhor Geovane Luís da Silva
Padre Geovane nasceu em Barbacena (MG), em 21 de junho de 1971. Atualmente é pároco da Paróquia Nossa Senhora da Piedade, em Barbacena. Cursou filosofia e teologia no Seminário São José, em Mariana (MG), e foi ordenado presbítero no dia 21 de junho de 1997, em Carandaí (MG). É mestre pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma, onde estudou Teologia Dogmática, e pós-graduado em Cultura e Arte Barroca pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Padre Geovane também é membro do Colégio de Consultores e promotor de justiça no processo de beatificação do Servo de Deus Dom Luciano Mendes de Almeida. 

Foto: divulgação.

Foto: divulgação.

Monsenhor Otacílio Francisco Ferreira Lacerda
Nascido em Palma (MG), em 17 de novembro de 1960, padre Otacílio é pároco da Paróquia Santo Antônio, em Gopoúva – Diocese de Guarulhos (SP). Foi ordenado sacerdote em 10 de abril de 1988, em São Paulo. Em 1996, formou-se em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Presidente do projeto missionário Norte 1 e Sul 1, é  assessor das pastorais Operária e da Juventude; Superintendente da Cáritas Diocesana e representante dos presbíteros de 2003 a 2010. Atualmente, é membro do Conselho Presbiteral, vice-ecônomo da diocese, e coordenador diocesano de pastoral.