A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, inaugurou hoje o Centro de Reabilitação (Creab) Venda Nova, localizado na Rua Elce Ribeiro, s/nº, no bairro São João Batista. O Creab é voltado para pessoas com deficiência ou que precisam de tratamento em reabilitação.

As ações que serão realizadas no local incluem avaliação, tratamento clínico especializado, acompanhamento individual e familiar e prevenção de deformidades, entre outras. O atendimento ao usuário será feito por profissionais das áreas de Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia, Assistência Social, Psicologia e Enfermagem. O Creab Venda Nova, que tem capacidade para atender 300 pessoas por mês, possui 13 consultórios e três ginásios onde serão realizadas as sessões de fisioterapia.

O investimento total foi de R$ 6,17 milhões, em recursos da PBH. Atualmente, o Creab funciona com 70% de sua capacidade total e, quando estiver funcionando em sua totalidade, mais de mil pacientes poderão ser atendidos mensalmente.  “Com a inauguração do quarto Creab da capital, é possível ampliar o atendimento às pessoas que precisam de habilitação e reabilitação”, disse o prefeito Marcio Lacerda, durante a solenidade de inauguração.

O público-alvo do Creab Venda Nova são pessoas com deficiência física ou intelectual, como recém-nascidos de risco ou com deficiência estabelecida; crianças, adolescentes, adultos e idosos com deficiências físicas ou intelectuais; casos pós-alta hospitalar; pessoas que sofreram Acidente Vascular Encefálico ou Traumatismo Crânio Encefálico (preferencialmente até um ano após o evento) e quadros pós-operatórios recentes que possam ser atendidos em ambulatório, entre outros

Serviços
O
s Creabs são equipamentos da Rede SUS-BH que oferecem à população serviços de reabilitação nas áreas acima citadas, além do setor de nutrição. Atualmente a cidade conta com outras três unidades, localizadas nas regiões Leste, Centro-Sul e Noroeste, que atuam de maneira integrada aos 59 Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf). Nestas unidades também são feitas as concessões de órteses, próteses e meios auxiliares de locomoção, incluindo cadeira de rodas.

Os atendimentos são individualizados, de acordo com critérios clínicos e funcionais de cada paciente e as equipes multidisciplinares trabalham de forma integrada para dar todo suporte necessário ao tratamento. O encaminhamento dos pacientes de Belo Horizonte é feito via centros de saúde e demais unidades da rede complementar. O Creab Centro-Sul recebe pacientes das regiões Centro-Sul, Barreiro, Norte e Pampulha, enquanto o Leste atende aos pacientes das regiões Leste e Nordeste e Noroeste é referência para os pacientes das regiões Noroeste e Oeste.

Além disso, as quatro unidades também recebem os pacientes de outros 113 municípios para concessão de órteses, próteses e meios auxiliares de locomoção. Estes pacientes são encaminhados por meio das secretarias municipais de Saúde para a Superintendência Regional de Saúde (SRS),  referência para as unidades da capital.