estadio-independencia

Foto: site oficial.

A Comissão de Direitos Humanos visitou a Arena Independência hoje. Confira aqui o resultado completo da comissão.

O objetivo da visita técnica ao Independência, requerida pelo vereador Irlan Melo (PL), é verificar as barreiras para locomoção de pessoas com deficiência e trabalhar para que os entraves físicos existentes no estádio sejam eliminados, garantindo um espaço acessível a todos. De acordo com o autor do requerimento, frequentadores do estádio têm denunciado condições de acessibilidade inadequadas às necessidades de pessoas com deficiência.

O requerimento para realização desta visita técnica integra mais uma das ações de Irlan Melo com o intuito de possibilitar a ocupação dos espaços públicos por todos os cidadãos, independentemente de suas limitações. Entre as iniciativas propostas pelo parlamentar estão o PL 367/17, que institui a Lei Municipal de Inclusão, que objetiva reunir em um único dispositivo legal as normas relativas à acessibilidade, atendimentos preferenciais e direitos da pessoa com deficiência. Além dessa iniciativa, o vereador também á autor do PL 719/19, que garante a emissão de contracheques em braille para servidores municipais cegos; o PL 655/18, que autoriza o Executivo a inserir a Língua Brasileira de Sinais na grade curricular de escolas da Capital; e o PL 628/18, que autoriza a criação do Fundo Municipal da Pessoa com Deficiência.

A visita técnica programada para acontecer no dia 19 de agosto à Arena Independência integrar-se-á ao rol de outras vistorias realizadas pelo parlamentar em espaços públicos de Belo Horizonte com o intuito de promover melhorias nas condições de acessibilidade, como ocorreu em duas visitas técnicas ao Estádio Mineirão. Na segunda visita, ocorrida em 22 de maio deste ano, foi possível perceber adequações de acessibilidade provenientes de ações promovidas a partir da vistoria anterior, realizada em 16 de maio do ano passado ao Gigante da Pampulha.