Tiradentes tem uma visão de Felipe dos Santos em uma das telas da mostra (foto: UFMG)

 

Cultura virtual. Uma exposição virtual das 14 telas da Ópera Tiradentes, instaladas em 1926 na Sala de Recitais do Conservatório UFMG, está disponível no YouTube, em uma iniciativa que integra as comemorações do 300 anos de Minas Gerais.

A programação comemorativa, lançada em março pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) e instituições parceiras, foi parcialmente suspensa em razão dos esforços para contenção da pandemia causada pelo novo coronavírus, como forma de atender às medidas de isolamento social recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Responsável pela curadoria das comemorações dos 300 anos de Minas, a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) incorporou a exposição virtual à programação, em uma alternativa às limitações impostas pela epidemia.

Também participam das comemorações do tricentenário o Tribunal de Justiça, o Ministério Público, a Defensoria Pública e o Tribunal de Contas do Estado. As pinturas em exibição foram criadas pelos artistas plásticos Antônio e Dakir Parreiras, pai e filho, na época da inauguração do edifício do Conservatório UFMG. Elas retratam cenas inspiradas na ópera do violinista e compositor Manoel Joaquim de Macedo Júnior (1845-1925).

A exposição virtual é uma iniciativa da Diretoria de Ação Cultural da UFMG (DAC), que a exibe em seu canal no YouTube. O trabalho é uma ação conjunta do Conservatório, do Campus Cultural UFMG em Tiradentes e do Acervo Artístico UFMG, todos geridos pela DAC. Além do vídeo com explicações sobre o contexto histórico das pinturas e da ópera, também foram disponibilizadas reproduções digitais das 14 telas.