Foto: Júlia Mara Santiago/Arquivo pessoal

 

Após ser brutalmente torturado e ter as patas arrancadas, em Confins, cidade da região Metropolitana de Belo Horizonte, o cachorro Sansão, de apenas 2 anos, irá ganhar uma cadeira de rodas, segundo informou o site G1. O objetivo é que dispositivo possa o auxiliar a andar novamente.

A iniciativa é de uma voluntária. Sansão está internado na clínica da Faculdade Arnaldo, no bairro Olhos D’Água, na Região Oeste da capital mineira. As informações são de que o cão está recuperando bem, se alimenta e faz normalmente as necessidades fisiológicas.

Sansão fazia guarda de uma empresa em Confins. Dois homens, vizinhos ao espaço que o cachorro costumada ficar são os suspeitos de terem cometido o crime. Segundo  do animal, o cachorro foi brutalizado porque pulou o muro da firma e atacou o cão dos suspeitos. Para se vingarem, os rapazes cortaram as patas de Sansão com uma foice.