Foto: PBH

 

Por hora, o lockdown não é opção para Belo Horizonte enfrentar a pandemia do novo coronavírus que alastra pela cidade em todas as regiões. Ao menos é o que informou o prefeito Alexandre Kalil (PHS) em entrevista ao Jornal Hoje em Dia na tarde de hoje.

Apesar de desconfirmar a possibilidade mais rígidade de contenção da doença, o prefeito fez um apelo para que a população da capital mineira evite furar o isolamento social. “O lockdown está descartado, no momento. É muito importante que as pessoas fiquem mais em casa e entendam que o momento é muito delicado”, disse.

Enquanto isso, os números de BH em relação a Covid-19 não param de subir. Nas últimas 24 horas, a capital teve o recorde de óbitos, foram 23. Desde o início da pandemia foram 9.361 acometidos pelo novo coronavírus. 6.713 recuperaram, 2.447 ainda estão em observação e 201 não resistiram.