Foto: Ruhan Carlos Botelho

 

A educação especial e inclusiva busca garantir o direito à aprendizagem para todos os alunos por meio da combinação de características do ensino regular com diferentes abordagens e possibilidades educativas. Dessa forma, pretende promover a integração e despertar o sentimento de pertencimento, atuando sobre os aspectos relacionais, afetivos e sociais diante das diferenças.

O que é preciso para colocar a educação especial e inclusiva em prática? Quais são os desafios metodológicos? Essas e outras questões serão abordadas por convidados referências da área, na live promovida pelo Grupo Ipemig em parceria com a Faculdade Batista de Minas Gerais, no dia 14 de dezembro (segunda-feira), a partir de 19h30.

Entre os participantes com presença confirmada estão Mary Lage, presidente e fundadora do Grupo Ipemig, Geniana Guimarães, vice-secretária de educação do Estado de Minas Gerais, Alexandre Rosa, psicopedagogo no Cruzeiro Esporte Clube, Adriana Chagas, produtora de Robótica Educacional, e Soraia de Mello, mestre em educação tecnológica.
O evento será transmitido pelos perfis do Facebook do Ipemig (facebook.com/Ipemig) e da Faculdade Batista de Minas Gerais (facebook.com/faculdadebatistamg). A participação é gratuita e não carece de inscrição.