Foto: Betina Carvalho

 

Durante uma coletiva de imprensa, o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), anunciou nesta sexta-feira (29/1) a reabertura do comércio, shoppings, galerias, salões bares, restaurantes, academias e clubes da cidade a partir de segunda-feira (1/2). Os estabelecimentos são considerados não essenciais e estavam fechados desde o dia 11 de janeiro por conta da alta de número de casos de Covid-19 em Belo Horizonte.

Ao longo de sua fala, Kalil se desculpou com os comerciantes pela medida restritiva, mas comemorou a queda no número de casos na cidade. “Quero pedir desculpas mais uma vez pelo fechamento, mas, com a queda nos índices, valeu a pena”, disse o prefeito.

A flexibilização decida hoje ainda prevê a reabertura também de museus, cinemas, teatros, clínicas de estética e feiras. Para cada tipo de estabelecimento, uma norma de funcionamento. No caso dos bares e restaurantes, a venda de bebida alcoólica será permitida das 11h às 15h

Veja o que pode funcionar em BH a partir de segunda-feira:

  • Todo o comércio varejista “não essencial” – segunda a sábado, de 9h a 20h;
  • Atividades autorizadas que estejam em funcionamento dentro de galerias de lojas e centros comerciais – segunda a sábado, de 9h a 20h;
  • Atividades autorizadas que estejam em funcionamento dentro de shoppings – segunda a sábado, de 10h a 21h. OBS.: domingo, somente para retirada de produtos em drive-thru, sem restrição de horário;
  • Restaurantes, cantinas, sorveterias, bares e similares, inclusive no interior de galerias e shoppings, e com consumo no interior – segunda a sábado, entre 11h e 22h. OBS.: Venda de bebidas alcoólicas para consumo no local apenas entre 11h e 15h;
  • Padarias e lanchonetes, com consumo no local – todos os dias, de 5h a 22h;
  • Atividades em drive-in – todos os dias, de 14h a 23h59;
  • Academias e afins, inclusive dentro de galerias e shoppings – sem restrição de horário;
  • Clubes de lazer – sem restrição de horário;
  • Cabeleireiros, manicures e pedicures – sem restrição de horário;
  • Atividades e clínicas de estética – sem restrição de horário;
  • Museus, galerias de arte e exposições – sem restrição de horário;
  • Cinemas, inclusive em shoppings – sem restrição de horário;
  • Teatros públicos ou privados licenciados, com público sentado – horário licenciado;
  • Feiras, exposições, congressos e seminários – horário licenciado;
  • Comércio atacadista da cadeia de comércio varejista autorizada a funcionar, exceto atacadista de recicláveis – segunda a sábado, de 5h a 17h